COMITÊ DE LIDERANÇA E JUVENTUDE

Idealizado em 2008, o Departamento Rural Jovem da Sociedade Rural Brasileira, fundado em 2010, teve como seu primeiro presidente, Bento de Carvalho Mineiro.

Um dos maiores objetivos do grupo inicial consistia em despertar o interesse e integrar as novas gerações de jovens ao agronegócio brasileiro, principalmente os jovens que vivem nos centros urbanos. Além, da aproximação e formação de novas parcerias com os jovens de diferentes regiões do país, focando na integração das lideranças regionais.

Em seus primeiros 5 anos de atuação, a Rural Jovem buscou desenvolver diversas iniciativas que pudessem promover seus objetivos e mobilizar a nova geração para conhecer a fundo a realidade a cadeia produtiva do agronegócio. Com esse objetivo em mente, realizou debates e reuniões, promoveu viagens, organizou palestras em universidades, criou e fortaleceu parcerias com entidades ligadas ao agronegócio, tudo isso com o intuito de aprofundar o conhecimento dos jovens membros do grupo, integrá-los e prepará-los para assumir cargos de liderança na esfera pública e privada.

Dentre as conquistas do Departamento Rural Jovem durante os seus primeiros anos de existência, podemos citar como importantes passos para a integração dos jovens:

  • Encontro Rural Jovem – evento anual realizado em parceria com a ABCZ (Associação Brasileira de Criadores de Zebu); e 
  • Feira de Carreiras do Agronegócio – parceira com instituições de ensino com o objetivo de apresentar aos universitários as oportunidades de desenvolvimento profissional existentes no setor e integrá-los a esse segmento; e
  • Prêmio Anual “Rural Jovem” – premiação anual a uma jovem liderança do setor.

Em 2016, durante a gestão do Dr. Gustavo Diniz Junqueira, foram realizadas alterações na estrutura da Rural Jovem, deixando de ser um Departamento e passando a atuar como Comitê, adquirindo o status de Comitê de Liderança e Juventude.

Partindo da premissa de que os jovens de hoje poderão tornar-se os líderes de amanhã, o Comitê de Liderança e Juventude busca prepará-los, transmitindo e oferecendo conhecimento, informação e experiência, possibilitando uma melhor representatividade do agronegócio e uma mudança da visão da sociedade em relação ao agro. Sendo assim, o Comitê, com projetos inovadores, eficientes e com responsabilidade social, defende a modernização das gestões técnicas e busca contribuir com o desenvolvimento do agronegócio brasileiro, defendendo os interesses dos produtores rurais em todos os fóruns, esferas e instâncias.

Em conjunto e em linha com os interesses da SRB, o Comitê tem como meta basilar levar à público a imagem do “novo agronegócio brasileiro”, fazendo com que caiam antigos conceitos e que a verdadeira face do agronegócio, moderno, produtivo, competitivo e sustentável venha à tona, para que o público em geral tenha conhecimento das enormes conquistas e da importância econômica e social do setor, a nível mundial.

A nível nacional e internacional, o Comitê buscou estender seu campo de atuação, formando novos laços e parcerias com grupos de jovens existentes fora de sua sede, como diretórios acadêmicos de universidades, com o objetivo de criar e solidificar parcerias, promovendo o intercâmbio de informações e experienciais e unificando todos aqueles que atuam em prol do desenvolvimento do agronegócio. A exemplo disso, através de viagens e visitas programadas, o Comitê buscou promover o intercâmbio cultural e informacional entre os jovens do agronegócio brasileiro e os jovens de outros países. O primeiro enfoque se deu em 2016, durante o intercâmbio sul americano, no MERCOSUL, por meio do estreitamento de relação do Comitê com a FARM Jovem.